Postagens recentes

Que balbúrdia é essa?

Que balbúrdia é essa?

A universidade não vai recuar. Reivindicar o estado de presença é fundamental para a resistência e principalmente para o futuro. A UFBA é um espaço de reflexão, de diálogo, de pesquisa, responsável pela formação de gestores de uma sociedade autocrítica, mais justa, mais associativa e de inclusão.

Agradecimentos XV Enecult

Agradecimentos XV Enecult

Foram mais de 1500 inscritos, 753 trabalhos submetidos e 475 artigos aprovados. Passaram por essa edição mais de 750 pessoas de 22 estados brasileiros além da participação de pessoas de outros lugares do mundo. Um evento de sucesso se constrói com muitas mãos – que estiveram dadas em toda trajetória – nossos parceiros.

Menos Ódio e muito mais cultura

Menos Ódio e muito mais cultura

Em roda, seja na ciranda ou na capoeira, o Enecult encerra em comunhão, dança, música, jogo e brincadeira.

Projeto Crianças na UFBA, um encontro de “pequenos” saberes.

Projeto Crianças na UFBA, um encontro de “pequenos” saberes.

Xadrez, pesca, corda, cantinho da leitura, fantasias, quebra cabeça, jogo da velha criam espaço para crianças longe do consumo no primeiro sábado de cada mês na UFBA.

Território como potencialidade da gestão de espaços culturais

Território como potencialidade da gestão de espaços culturais

O grupo de trabalho Gestão e Produção Cultural teve uma sessão especial no sábado à tarde. O GT discutiu e apresentou dois livros “SESC Campo Limpo – O Espaço de cultura como convivência – Diálogo e contraponto à lógica da Cidade” e “Um lugar para os espaços culturais: gestão, territórios, públicos e programação”.

Meditação: um intercâmbio de vivências e experiências ao nascer do sol

Meditação: um intercâmbio de vivências e experiências ao nascer do sol

Márcia Mazur deu dicas de respiração e trocas de energia com intuito de desfazer tensões canalizadas pela stress do dia a dia na manhã de sábado no Enecult.

Risada Transcedental

Risada Transcedental

Texto publicado inicialmente no Jornal Correio da Bahia, sobre a Yoga do Riso, coordenada pela professora Helena Matos, que integrou as atividades do Enecult, em 2019

O ensino e a difusão da capoeira foi debatido no XV Enecult

O ensino e a difusão da capoeira foi debatido no XV Enecult

Discussões acerca de como garantir a perpetuação e salvaguarda da capoeira passando no ensino Então, a gente precisa saber como essa capoeira chega nas escolas

Simpósio promovido pelo NUCUS discute performatividade de gênero, performances, artivismo trans e HIV

Simpósio promovido pelo NUCUS discute performatividade de gênero, performances, artivismo trans e HIV

A vida imita a arte ou a arte imita a vida? Para pesquisadores do NUCUS-UFBA, no artivismo queer, a vida e obra dos artistas-ativistas estão produzindo uma relação cada vez mais intrínseca.

Noite com apresentações artísticas e lançamento de livros enriquece confraternização do Enecult

Noite com apresentações artísticas e lançamento de livros enriquece confraternização do Enecult

Lançamento de livros, videomapping, boa música e acarajé: foi um pouco do que rolou na noite de sexta-feira (02/08), na programação do XV ENECULT.

Um diagnóstico das ciências humanas no Brasil

Um diagnóstico das ciências humanas no Brasil

Os resultados apresentados demonstraram a importância da contribuição das ciências humanas para o desenvolvimento do país e das políticas públicas de ciências e tecnologia.

Dados e relatos sobre a indústria dos games presentes em simpósio

Dados e relatos sobre a indústria dos games presentes em simpósio

As mulheres representam apenas 20,7% da indústria dos jogos digitais e 42% das empresas são paulistas. Esses e outros dados e reflexões foram apresentados no Simpósio A Indústria de Jogos Digitais no Brasil:políticas, programas e ações.

Relatos e trajetórias marcam o simpósio sobre diversidade cultural

Relatos e trajetórias marcam o simpósio sobre diversidade cultural

Houve uma grande participação de mulheres negras que relataram suas vivências culturais e de militância, destacamos as falas de algumas que participaram do Simpósio Diversidade Cultural e Desenvolvimento.

Em segundo dia de apresentações de trabalhos, a multidisciplinariedade ratifica a diversidade no XV ENECULT

Em segundo dia de apresentações de trabalhos, a multidisciplinariedade ratifica a diversidade no XV ENECULT

Ao longo de 400 trabalhos espalhados pelos 19 grupos temáticos, estudantes, docentes e comunidade externa colocam em pautas questões advindas das mais diversas áreas.

Game é coisa de mulher

Game é coisa de mulher

Apenas 3% dos desenvolvedores de jogos da Bahia são mulheres. Ana Antar, Rafaella Moraes e Christiane Ribeiro relataram suas experiências como empresárias no ramo dos games.

Cultura e Política é tema de simpósio no ENECULT

Cultura e Política é tema de simpósio no ENECULT

Simpósio Cultura e Política no velho Brasil atual teve como convidados José Sérgio Gabrielli, Renato Ortiz, Ana Fernandes, Patricia Valim e Céli Pinto e foi coordenado por Albino Rubim.